Saiu na mídia! Entrevista concedida pela CEO da Infinita EPH, Carla Béck, ao PME NEWS – Tema: “Meritocracia”.

Saiu na mídia! Entrevista concedida pela CEO da Infinita EPH, Carla Béck, ao PME NEWS – Tema: “Meritocracia”.

Entrevista concedida pela CEO da Infinita EPH, Carla Béck, ao PME NEWS – Tema: “Meritocracia”.

PME NEWS – Por que a meritocracia vem crescendo no modelo de gestão nas empresas?

Carla Béck – Infinita EPH

A meritocracia tem sido uma das estratégias adotadas pelas empresas para reter os seus talentos. Reconhecer o mérito, isto é, as aptidões dos colaboradores para exercer o seu cargo de maneira a agregar valor à organização, sem a interferência de discriminações ou preferências pessoais.

PME NEWS – A meritocracia é uma metodologia ou mais uma ferramenta de apoio na avaliação?

Carla Béck – Infinita EPH

A meritocracia é um sistema de gestão que premia cada profissional (salário e/ou cargo) de acordo com os resultados apresentados pelo mesmo, alinhando objetivos corporativos aos seus. Enquanto que a avaliação é uma ferramenta que auxilia na mensuração dos resultados do colaborador, a partir de critérios definidos anteriormente.

PME NEWS – Como conciliar desempenho e mérito?

Carla Béck – Infinita EPH

Um sistema de gestão de desempenho eficaz concilia desempenho e mérito, pois para uma empresa aplicar esse modelo de gestão deve ter um método claro de desdobramento de metas, ou seja, possuir indicadores específicos que possam auxiliar na mensuração das metas, verificando o desempenho de cada colaborador.

Dependendo do seu desempenho, o colaborador é elegível a uma promoção, a uma bonificação, aumento de salário ou a ambos. O mérito está associado ao melhor desempenho.

PME NEWS – Quais são os critérios que as pequenas empresas devem ter para implantar a meritocracia?

Carla Béck – Infinita EPH

As pequenas empresas devem estar atentas aos seguintes critérios na hora de vir a implantar esse modelo de gestão:

1. Valorizar o mérito através da aplicação de uma conduta ética por parte de seus profissionais;

2. Definir uma política clara que irá nortear como funcionará o sistema de gestão por desempenho;

3. Estabelecer os critérios de definição e mensuração dos indicadores de desempenho e metas (qualitativas e quantitativas);

4. Seguir a política estabelecida;

5. Realizar feedbacks aos seus colaboradores a partir das avaliações realizadas;

6. Estabelecer planos de carreira e desenvolvimento, a partir dos resultados obtidos nas avaliações de desempenho.

PME NEWS – Que vantagens a meritocracia proporciona às empresas?

Carla Béck – Infinita EPH

A meritocracia proporciona uma sistemática clara de valorização dos profissionais que apresentam uma melhor qualificação e desempenho dentro das organizações. Assim, também, obtém-se a retenção desses profissionais.

PME NEWS – Como conscientizar profissionais de que a meritocracia é “saudável” para a empresa, quando alguns são terminantemente contra por questões ideológicas?

Carla Béck – Infinita EPH

As empresas que adotam a meritocracia enfatizam o talento, educação formal e competência no lugar de diferenças existentes, tais como classe social, etnia, ou sexo.

Um sistema que se apresenta como meritocrata – e que não o seja na prática – apela para esse discurso ideológico para mascarar privilégios e justificar indicações a cargos públicos ou à alta administração de empresas.

Deve-se tomar o cuidado em não usar a meritocracia de forma negativa, pois mérito significa “habilidade, inteligência e esforço”.

O sucesso desse tipo de sistema consiste na definição clara do que a empresa valoriza, dos resultados que ela espera dos seus profissionais. Sendo assim, qualquer fator que coloque esses aspectos em questionamento produzirá uma insatisfação nos mesmos, estabelecendo o efeito contrário do que se espera desse sistema.

https://www.pmenews.com.br/entrevista/carla-beck-5

 

No Comments

Post A Comment