Profissões do futuro: como não ser substituído pelas máquinas na era da AI

Profissões do futuro: como não ser substituído pelas máquinas na era da AI

Até 2025, as máquinas desempenharão mais funções do que os seres humanos no mundo do trabalho. Porém, não há motivo para alarmismos: a mesma revolução tecnológica que colocará os robôs em tarefas que antes pertenciam às pessoas criará 58 milhões de novos empregos nos próximos cinco anos. Essas são as principais previsões da nova versão do relatório The Future of Jobs, divulgada pelo Fórum Econômico Mundial em setembro.

A pesquisa se baseou nas opiniões de executivos de negócios, diretores de estratégia e de recursos humanos e também em dados oferecidos pelo LinkedIn, que mostram quais papéis estiveram em alta ou em baixa no mercado nos últimos anos. Vinte economias desenvolvidas e emergentes e mais de 300 empresas de diversos setores, representando cerca de 15 milhões de funcionários e 70% do PIB mundial, foram analisadas para as projeções.

Para tentar entender como a tecnologia pode extinguir ou criar empregos, o relatório debate novos modelos de negócios, funções emergentes e habilidades que os trabalhadores precisarão desenvolver, além de demonstrar o impacto do aumento da automação em diferentes áreas da indústria e do globo. A seguir, resumimos algumas das conclusões:

Fonte: https://exame.abril.com.br/carreira/estas-sao-as-10-profissoes-emergentes-para-2022-segundo-o-forum-economico/

No Comments

Post A Comment